Blog

Consultoria empresarial. Como a genuinidade da pedra de toque

A consultoria existe desde os primórdios dos tempos, seja ela na vida rotineira das pessoas, seja ela em outros segmentos, como na esfera empresarial. Em remotos tempos, por exemplo, o aconselhamento aos povos nos convívios sociais era passado por àqueles considerados mais sábios, mais experientes. Tais sugestões ou conselhos assemelham-se a consultoria da atualidade.

No cotidiano enfrentamos, por vezes, a busca por soluções corriqueiras da vida civil com o aconselhamento daqueles que detém um conhecimento mais apurado sobre determinado assunto. É assim que acontece, por exemplo, quando pedimos opinião ou ainda quando nos posicionamos sobre determinado tema. Se nos atentarmos e pensarmos, isso se dá a todo o momento. Essas são maneiras informais de se ter consultoria no dia a dia.

No âmbito empresarial, os desafios estão cada vez maiores, sejam eles administrativos, societários ou jurídicos. De maneira formal a consultoria ingressa na vida das empresas com maior ênfase trazendo inúmeros benefícios. A análise do crescimento mercadológico, a reestruturação organizacional, identificar pontos fortes e fracos, afastar ou elidir os passivos jurídicos são bons exemplos das necessidades vividas pelas corporações. Não importa o capital social, o número de colaboradores ou a expressão do trabalho. Todas, micro, pequena, média e grandes empresas vivenciam diariamente situações com as quais devem ser tomadas decisões importantes, que muitas vezes levam ao topo ou ao declínio, pela deliberação perpetrada.

É importante dizer que a PREVENÇÃO É A PEDRA DE TOQUE NA CONSULTORIA. Não se utiliza somente quando se tem problemas. Ou seja, é e deve ser utilizada como forma de prevenir a “doença”, indo a fundo, na causa do possível problema.

Um consultor ou uma consultoria especializada sempre ajudará na organização e nas tomadas de decisões da corporação empresarial.

Fonte : Jus

construtora

Comentar

Clique aqui para postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *